Pesquise aqui os títulos do blog

Carregando...

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

SHOWROOM ANTIGOMOTOCICLISMO


ZÜNDAPP   KS   601   1952

Prezados amigos e visitantes do Blog Showroom Imagens do Passado.


    Na postagem de hoje, trago a história de um grande exemplar, para os amantes e apaixonados pelas motocicletas antigas.
    Hoje na coluna "Showroom Antigomotociclismo" , vamos conhecer um pouco da história de uma Zundapp KS 601 1952 .
    O ano era 1968, na cidade de Jaraguá do Sul/SC , o jovem Paulo Roberto Pedri, então com 16 anos de idade, recebe do seu pai , o Sr. Paulino Pedri, uma quantia em dinheiro suficiente para comprar uma motocicleta nova do modelo Honda 90 cc.
    O jovem Paulo, se dirigiu até a concessionária Honda Baümmer motos, que ficava na cidade de Joinvile/SC.
    Chegando a concessionária, se deparou com uma Zundapp KS 601 1952, recém restaurada, dentro dos padrões originais de fábrica e com peças originais compradas pelo proprietário na oportunidade que viajou à trabalho para a Alemanha.
    A motocicleta foi pintada na cor verde original de fábrica, que era conhecida na época como "elefante verde" .
    Foi amor à primeira vista e Paulo, acabou comprando sem o concentimento do pai, a motocicleta Zündapp.   
    Com o valor que daria para comprar a Honda 90cc,  Paulo pagou a primeira promissória da Zündapp.


    Segue logo abaixo meus amigos, algumas fotos do processo de restauração.

    Negócio fechado e Paulo saiu com a motocicleta, pela estrada velha, que ligava Joinvile a Jaraguá do Sul.
    Ao chegar em casa com a motocicleta, o Sr. Paulino, trancou a mesma em um rancho, alegando que ela era muito grande e perigosa para um rapaz de apenas 16 anos de idade, porém após um pouco de insistência o jovem Paulo conseguiu reaver ela.
    Por volta do ano de 1974, um senhor da cidade de Joinvile, chamado Ditmar, acabou fazendo uma proposta irrecusável pela Zündapp e está acabou sendo vendida.
    Passado alguns anos o arrependimento de ter vendido a motocicleta Zündapp, bateu à porta e mediante isso, o Sr. Paulo, decidiu procurar a sua jóia rara.
    Infelizmente não obteve sucesso, pois depois deste tempo não conseguiu encontrar o Sr. Ditmar , que residia na cidade de Joinvile/SC.


    Em 1996 o Sr.Paulo, juntamente com a sua esposa, foi participar de um encontro de motos em Balneário Camboriu, pilotando uma Vucan 1500.
    Andando pelo encontro o Sr. Paulo, deparou-se com uma Zündapp KS 601 1952, com placa de Joinvile/SC.
    Expantado com a coincidência o Sr. Paulo comentou com a esposa que aquela motocicleta ali era a sua antiga Zündapp, porém ela acabou não dando muita bola, pois achou pouco provável que fosse a mesma.
    Porém o Sr. Paulo, sempre foi muito detalhista com as suas coisas, e na época em que a motocicleta ainda era sua, gravou o seu nome na chave de contato e também no cubo traseiro da mesma.
    Até que alguns instantes depois o atual proprietário da motocicleta apareceu, após isso o Sr. Paulo falou que aquela Zündapp havia sido sua.
    O atual proprietário, não acreditou na história, pois havia ganhado ela do Sr. Ditmar, e disse que ela teria ficado parado por cerca de 15 anos.
    Para ter certeza, de aquela Zündapp, ali era a mesma que havia lhe pertencido anos atrás, o Sr. Paulo pediu a chave da motocicleta e mostrou que nela estava gravado o seu nome.
    À partir disso o atual proprietário , conhecido como Zé passou a acreditar que a Zündapp, teria mesmo pertencido ao Sr. Paulo.
    Do ano de 1996 até o ano de 2004 o Sr. Paulo, entrou em contato, com o proprietário, por cerca de quatro vezes, sempre perguntando se ele não venderia a motocicleta, até que na última tentativa o negócio foi fechado.
    À partir daí iniciou-se o processo de restauração da Zündapp KS 601 1952, que em nada lembrava a antigamente conhecida " elefante verde " , pois estava pintada na cor preta.
Após longos anos de separação o reencontro.

Ínicio do processo de restauração, a volta do " elefante verde " .

Zündapp KS 601 1952 - O  " elefante verde " , toma forma.

Zündapp, de volta as origens, como se estivesse parada em frente a um "Pub" europeu




Showroom Imagens do Passado resgatando histórias

Fonte das Imagens: Acervo pessoal da família Pedri.
Postagem baseada em texto escrito por João Pedri

Por favor deixe o seu comentário!
A sua opnião é muito importante para nós.

Atenciosamente: Administradores do Blog Showroom Imagens do Passado.

COLABORE VOCÊ TAMBÉM!
envie suas fotos antigas para:


2 comentários:

Mário César Buzian disse...

Linda estória, Maurício !!
É sempre muito legal reencontrar coisas que nos deram muita felicidade após algum tempo...É como rever um parente querido perdido no tempo...
Grande abraço !!!

fabio julio disse...

oi mauricio!
eu tive o prazer de conhecer paulo roberto pedri, meu pai é morador de jaragua do sul, e eu vendi uma lambreta pra ele a uns anos atraz kuka é como gosta de ser chamado, ele tem uma coleção de carros e lambretas muito interessantes, veiculos pratiamente sem uso, que tive o prazer de conhecer pesoalmente.